LMS – Volume 13, Capítulo 9: O Anão chamado ‘Art Hand’

Segue mais um capítulo com algumas revelações de como o Jeonshin Weed e o Weed escultor ainda não foram descobertos.

Capítulo traduzido pelo Antonio, revisado pelo Gabriel e adaptado por mim.

O próximo capítulo é um pouco maior que esse e o resto da semana vai ser complicada para mim, por isso não esperem algo antes de sexta/sábado.

Qualquer erro de digitação/português/tradução avisem nos comentários para que eu possa corrigir.

Como sempre recomendo a leitura em .pdf, que está mais organizada, pois este capítulo tem muito boxes e tabelas.

Versão em .pdf1: [LMSNovelBR] Volume 13 – Capítulo 9 – O Anão chamado Art Hand (nota integrada)

Versão em .pdf2: [LMSNovelBR] Volume 13 – Capítulo 9 – O Anão chamado Art Hand (nota rodapé)

Segue o capítulo abaixo:

——————————————–

Capítulo Anterior  |  Próximo Capítulo

capa v13c09

Volume 13

CAPÍTULO 9 – O Anão chamado ‘Art Hand’

(NT = Nota barafael: ‘Mão Arte’, no sentido de mãos habilidosas/artísticas)

            Havia alguém acompanhando os Wyverns que voavam sobre os morros do Reino de Thor.

            A identidade do homem não era outra senão a de Weed!

            Weed andou com a faca de esculpir na mão depois que ele enviou os Wyverns para o céu.

            “Eu preciso achar uma rocha pequena”.

            Quando ele esculpiu o Orc Karichwi, a rocha era de um tamanho considerável, mas ela não deveria ser necessariamente daquele tamanho desta vez.

            No entanto, foi difícil para ele encontrar uma rocha digna.

            Devido às árvores brilhantes da densa floresta, as rochas estavam bem escondidas pela montanha.

            “Eu vou apenas fazer com madeira então”.

            Weed golpeou um galho a partir de uma árvore e abriu caminho entre as folhagens na parte superior para cortar um tronco.

            Ele estava preparando o material com a habilidade de esculpir.

            Depois disso, ele usou a faca de esculpir para dar detalhes mais finos.

            No início, a composição geral da cabeça e do torso foram feitas. A partir daí ele se perguntou acerca do tamanho das pernas.

            “Se eu fizer cerca de 30% menor que o normal, deverá estar certo”.

            Weed trabalhou enquanto estava agachado a fim de se usar como comparação.

            Ele esculpiu pernas grossas e amplas, sem cintura do quadril até o peito, o que resultou em uma figura densamente construída.

            “Eu tenho a sensação que falta algo no tronco”.

            Apesar de ser a madeira mais grossa que ele obteve nas proximidades como material, ele sentiu que ela era muito incompleta.

            Weed relutantemente segurou a peça com ambas as mãos e continuou a esculpir. Ele fez braços curtos e fortes, bem como decidiu sobre como esculpir a cabeça e que ela seria a última região remanescente.

            “Anão. Eu tenho que corresponder às características dos anões”.

            Anões, seres teimosos que nunca desistiam.

            Aqueles anões que escolhiam as profissões de Campeões ou Guerreiros eram possuídos pela emoção em uma batalha contra monstros e nunca recuavam.

            Naturalmente, eles eram os mais fortes entre as espécies, desconsiderando a configuração padrão deles com suas pequenas estaturas.

            Ao mesmo tempo, com a habilidade natural deles em artesanato, qualquer coisa que fosse colocada em suas mãos brutas podia ser transformada em algo bonito.

            O relacionamento interpessoal dos Anões não é algo harmonioso.

            Em muitos casos, aqueles que decidiam tomar em suas vidas o objetivo de tornar-se um artesão, ficariam dentro de suas lojas e não saiam mais.

            Devido a isso, ao contrário de suas grandes obras, eles não se davam bem com os outros, diferente das outras espécies.

            A raça que era dito animar-se com a qualidade excepcional de minérios, gemas, mithril e similares.

            A raça que era dito ter uma ganância incomum com equipamentos e materiais.

            A espécie que ama metal fundido e que simplesmente não decora nada.

            Weed esculpiu a imagem entroncada de um Anão, com uma boca rebelde; olhos com olheiras e com um olhar de desprezo, mesmo que não houvesse qualquer outra pessoa para vislumbrar; barba longa e cheia que descia até o peito; e cabelos que pareciam estar interligados com a barba de uma mecha a outra.

            Se a Habilidade de Esculpir não tivesse alcançado um estado tão refinado, tais detalhes mais precisos não seriam possíveis.

            Semelhantemente, neste ponto, foram feitos braços e pernas curtos e grossos.

            Weed ficou satisfeito com a escultura feita de si mesmo.

            “Neste nível, está muito bom para um Anão que eu nunca vi, huh?”

            Não era assustador de se olhar a noite em comparação ao Orc Karichwi, que ele havia feito.

            “Não está ruim neste nível. Shape Shifting Sculpture!” (NT = Metamorfose Escultural)

Você usou Shape Shifting Sculpture.

Por ter um carinho infinito em direção a escultura, o escultor e a escultura assemelhar-se-ão um ao outro!

            O corpo de Weed mudou para assumir a forma sublime da escultura.

            A estatura dele foi ficando menor; as pernas engrossaram; o tronco ficou fino e seus braços também engrossaram; em contrapartida, a sua cabeça ficou maior e a sua barba estava ficando mais cumprida; rugas foram formadas ao redor de seus olhos, tornando a sua idade desconhecida.

A forma do corpo ficou menor. Muitos equipamentos que o corpo está vestindo no momento são impossíveis de usar.

A plate armor (NT = Nota barafael: armaduras de ferro e aço – https://en.wikipedia.org/wiki/Plate_armour) acidentalmente deslizou para a boca (NT = Nota barafael: como ele ficou com o tronco mais carrancudo/largo, a armadura mal passou pela cabeça e deslizou entre a boca/pescoço).

Dependendo da forma da raça, novos equipamentos serão necessários.

Devido ao impacto da Shape Shifting Sculpture, a Resistência, Força e Sorte aumentarão ligeiramente.

A eficiência da Habilidade de Artesanato aumentou em 5%.

A estatística de arte aumentou dramaticamente.

A Habilidade Shape Shifting Sculpture estará efetiva até que ela seja desfeita.

            “Keoheoheoheum!”

            Weed deu uma longa tosse como um anão e andou em direção ao alvo: a Aldeia dos Anões.

            Tendo as pernas curtas de um anão, o centro da gravidade que veio junto com a estatura era fácil de se adaptar inicialmente, mas a cada passo dado, ele ficava ofegante em boa parte da distância percorrida.

            No entanto, Weed moveu-se diligentemente a cada passo enquanto estava perdido em pensamentos.

            “Desta vez, qual deveria ser o nome do Anão, hmm?”

            Em sua cabeça, inúmeros nomes passaram como flashes.

            Assim como o Orc karichwi, ele precisava de um nome que deixasse uma forte impressão.

            “Art Hand. Este é um nome que expressa o delicado mundo da arte”

***

            Quando Lee Hyun foi liberado da cápsula, os seus amigos da faculdade estavam sentados no salão bebendo enquanto assistiam TV.

            Os Heróis do Continente Versalhes.

            Era o programa de informação feito pela CTS Mídia.

            É um noticiário rápido que introduz informações de castelos ou aldeias de entrada. Era um tipo de programa com uma análise mais profunda e orientada.

            Apresentado por um mestre de cerimônias com experiência em comédia, o programa tinha uma audiência considerável em razão da inteligência e do humor que vinham junto com o apresentador.

            “Oppa (NT = Nota barafael: maneira amigável de se dirigir a um homem mais velho, se você for uma mulher), você terminou?” (NT = Nota barafael: eu não acredito que eles ficaram vendo o noticiário e não prestaram atenção no Lee Hyun, se bem que foi dito que nem todas as cápsulas transmitiam a jogabilidade na tela, de certo ele, espertamente, pegou uma que não transmitia)

            Min sura perguntou agradavelmente e Lee Hyun acenou com a cabeça.

            “Sim”.

            “Você caçou bastante?”

            “Não. Eu tive que ir a um lugar então eu não cacei de qualquer modo”.

            “Onde você foi?”

            Choi Sang Jun se atravessou na conversa dos dois e perguntou com um súbito interesse.

            “Reino de Thor”.

            “Quando você diz Reino de Thor, você quer dizer o Reino dos Anões?”

            Choi Sang Jun perguntou surpreso.

            Os outros colegas da faculdade, que estavam conversando, também pareceram estar muito interessados.

            “É um dos lugares que eu quero ir se for aquele Reino dos Anões”.

            “Como o Reino de Thor se parece?”

            No entanto, Lee Hyun não tinha uma resposta natural para essa questão.

            “Eu apenas cheguei nas proximidades do Reino… eu ainda não entrei na aldeia, então eu não posso dizer”.

            “Ah, então é isso”.

            Lee Yu Jeong assentiu com a cabeça dela.

            O Continente de Versalhes era realmente extenso, para se mover de um reino para o outro logicamente não levava um dia ou dois.

            Mesmo se ele montasse em um cavalo ou em uma carruagem, ele ainda teria que escalar as montanhas e pegar estradas sinuosas, então levará um monte de tempo antes de alcançar ao local desejado.

            Portanto, era compreensivo que ele não tivesse entrado no Reino de Thor ainda.

            Park Sunjo disso com preocupação:

            “Eu também fui para o Reino de Thor, mas Hyeong (NT = Nota barafael: Hyeong ou Hyung é uma maneira amigável de se dirigir a um homem mais velho), você é algum tipo de comerciante?”

            “Por que da pergunta?”

            “Aqueles que são das ocupações guerreiras não vão bem no Reino de Thor, com magos e elementalistas também é assim. Eles são seriamente territoriais, mas se você for um comerciante que pega mercadorias do Reino de Thor para vender, então você ficará bem enquanto você estiver beneficiando enormemente o sul”.

            Lee Hyun respondeu com um pouco de hesitação:

            “Eu sou um Escultor”.

            “……”

            “……”

            Apenas dizer a sua ocupação tinha o poder de silenciar as pessoas.

            Além disso, eles deram para ele olhares de pena e lástima.

            Isso lembrou a primeira vez desde que eles tinham falado com ele (NT = Nota barafael: foi na primeira palestra na universidade, voltada para a orientação dos calouros – vide capítulo 8 do volume 9).

            Min Sura mostrou um pouco de coragem e disse:

            “Anime-se. Hoje em dia, há uma pessoa famosa que é um escultor. Talvez o Oppa já ouviu falar dele. Weed”.

            “……”

            “Ah, você não ouviu falar dele? Ele fez um monte de esculturas realmente surpreendentes e ele também é um usuário que viajou para o mundo dos vampiros”.

            E então, Lee Yu Jeong disse enquanto sorria:

            “Sura, aquele Weed nasceu com o talento natural para esculpir. Ele é uma pessoa na qual a arte foi imposta sobre a sua alma. Então realmente importa que ele escolheu ser um escultor em Royal Road? Aquela pessoa também é o Lorde de uma província, de modo que seria descortês comparar o Oppa com alguém como aquela pessoa”.

            “Keuheum.”

            Lee Hyun tossiu.

            Eles falarem assim sobre a pessoa em questão era bastante embaraçoso.

            Havia até mesmo uma transmissão sobre o Weed, que foi para as terras ocupadas pelos vampiros, mas em razão de seu rosto e equipamentos terem sido obscurecidos, era difícil de reconhecer ele (NT = Nota barafael: enfim uma justificativa palpável).

            Se sua identidade como o Dark Gamer Weed fosse descoberta e estivesse associada com o Jeoshin Weed, em seguida, ele teria de pagar um preço alto enfrentando inúmeros desafios e suas aventuras subsequentes também seriam impossíveis de executar.

            Choi Sang Jun falou como se fosse um mero fato:

            “Se você é um escultor, ir para o Reino de Thor beneficiará muito você. Há um monte de minerais lá e haverá uma boa quantidade de incumbências para você lá também. Por favor tente e trabalhe duro”.

            Choi Sang Jun estava supondo que, em razão de que Lee Hyun ser um escultor, ele não seria de muita ajuda para exploração da masmorra, então disse para ele ser cauteloso.

            ‘Ficará tudo bem se eu apenas liderar a exploração da masmorra’.

            Quando Choi Sang Jun assumiu um sorriso satisfeito, a transmissão do programa ‘Heróis do Continente Versalhes’ prosseguiu após os anúncios comerciais.

            Lee Hyun tinha um pouco de interesse, mas a transmissão com conteúdos relacionados a ele foi mostrada.

            “Daejin-ssi, se nós mudarmos nossa conversa para falar a respeito do Norte, então, definitivamente, nós não podemos deixar Morata de fora”.

            “Sim, é exatamente como você disse, Yu Dambi-ssi. Muitos aventureiros foram para o Norte desde o derretimento das calotas de gelo, mas a grande maioria dos comentários ainda dizem que é prematuro. A razão é que a terra desconhecida se tornou muito difícil para se estabelecer”.

            “Eu ouvi dizer que a região norte era perigosa por causa do quão ativos os monstros são”.

            “Está certo. No entanto, com as pessoas se juntando em Morata e em razão de seu rápido desenvolvimento, ela foi construída como uma base onde as pessoas podem se estabelecer até certo ponto. Algum dia também será possível subjugar os territórios dos monstros. À medida que mais e mais pessoas imigram espera-se que venha a era do desenvolvimento em larga escala no Norte”.

            “Sim, é isso, na parte 1 nós falaremos sobre o Norte e sobre Morata. Bem, então, quais informações serão abordadas na parte 2?”

            Na parte 1 da transmissão, informações sobre o Norte foram comentadas, com a ênfase sendo sobre Morata, a tendência dos usuários e os locais de caça foram os ingredientes habituais.

            Lee Hyun pensou nisso positivamente:

            ‘Seria bom se eles falassem mais. Se mais pessoas vierem para o norte através do programa, então, deste modo, a receita estará vindo para mim’.

            Lee Hyun calculou que, com os espectadores chegando em Morata para gastar dinheiro, a sua renda irá crescer.

            “Bem, agora aqui está um recente suprimento de notícias rápidas que nós mostraremos ao nosso público. Daejin-ssi!”

            “Ok, Yu Dambi-ssi.”

            “Esta aqui é a nova aventura intensa de Jeoshin Weed, que tinha sido divulgada para o público”.

            “O registro da história do Conflito de Palrangka, que recentemente subiu ao Hall da Fama. Nós mostraremos um breve clipe diretamente dele”.

            A tela da TV mudou e Weed apareceu em forma de um Esqueleto. Compilações de fotos de Weed aceitando a incumbência da princesa e montando um cavalo branco enquanto eles corriam através do campo de batalha, que estava clamando com inimigos aparecendo em todos os lugares.

            “Incrível…”

            “Até o meu coração está batendo forte”.

            Min Sura e Lee Yu Jeong apertaram as suas mãos e não desviaram seus olhares da transmissão.

            Elas estavam assistindo as cenas muito elegantes de Lee Hyun.

            A KMC Mídia foi a primeira a passar o Conflito de Palrangka e ficou em primeiro na classificação semanal da audiência. Cinco dias depois, o vídeo original do Conflito de Palrangka foi postado e ficou em primeiro na classificação de visualizações, em primeiro nas recomendações e em primeiro no número de comentários.

            Na verdade, o vídeo teve a melhor popularidade e isso gerou especulações exuberantes.

            “Se nós olharmos para estas sequências de Jeoshin Weed, há um monte de pontos indeterminados e eu ouvi um monte de controvérsias sobre estes pontos”.

            “Julgando a partir de cada símbolo nacional ou a partir dos gritos dos soldados, é certo que o lugar subjacente é o Conflito de Palrangka. Porém, o ponto de como ele foi capaz de saltar para dentro desta batalha envolve muitas suspeitas”.

            “Que conceito específico há?”

            “Isso talvez seja apenas uma missão. Se essa luta foi o final de alguma missão óbvia de etapas ou não, depois disso, ainda haverá muitas outras questões em relação a isso que permanecem”.

            A partir da KMC Mídia, a informação que eles investigaram sobre o Conflito de Palrangka, tais como a dinâmica de cada reino, a afinidade entre os grupos de monstros, magias e habilidades, foi tudo ao ar na TV.

            Após a transmissão total que passou antecipadamente, Lee Hyun foi autorizado a mostrar a sua fonte original para o público (NT = Nota barafael: postando o vídeo no Hall da Fama).

            Mesmo assim, a filmagem original também começou no Conflito de Palrangka.

            A parte dele passando através do Centro intermediário de Treinamento até quando ele leu o livro do cavaleiro foi removida.

            Se ele mostrasse esta seção para o público, então todos em Royal Road estariam no mesmo comprimento de onda e kimchi seria conhecido como jimjang (NT = Nota barafael: kimchi é um tipo de molho – https://pt.wikipedia.org/wiki/Kimchi; e jimjang é como o kimchi é chamado em outras regiões da Coréia – basicamente a expressão quer dizer que se ele postasse o vídeo o conhecimento seria difundido para todos e ele perderia a oportunidade de ser o único a chegar nesta etapa).

            A situação que pode resultar é que pessoas reivindicarão a posse das torres conhecidas e conduzirão guerras pelo domínio delas e também dedicarão tudo o que elas tiverem para passar pelos centros de treinamento.

            Era uma daquelas aventuras onde alguém deverá se entregar totalmente a ela.

            Se muita informação for divulgada ao público, a situação gerará filas de pessoas esperando em cada centro de treinamento e esse seria o caminho errado para desfrutar dos prazeres de Royal Road.

            Porque havia uma necessidade de manter segredos das aventuras inacabadas de Lee Hyun, que os broadcasters também mantiveram de forma confiável o segredo (NT = Nota barafael: eles provavelmente lançaram essa parte de Jeoshin Weed de uma forma exclusiva, desvinculada ao próprio show de Todeum, o que fez com que os espectadores não ligassem o escultor Weed ao Jeoshin, que estava na forma de esqueleto; eles podiam ter o mesmo nome, mas sempre haverá aquela dúvida do tipo: ‘o cara tem o mesmo nome, mas há milhares de Weed por ae’ ou ‘O Jeoshin nunca seria um escultor’).

            “Eu também ouvi falar de um monte de inconsistências sobre a capacidade de combate de Jeonshin Weed”.

            “Durante a guerra contra a Legião Imortal, ele demonstrou a capacidade de um excelente condutor. Ele lidou com os Orcs e Dark Elfos sem problemas. Graças ao volume elevado da habilidade de condução do Lion Roar (NT= Rugido de Leão), nós assumimos que ele tem liderança e carisma muito altos. Especulações da ocupação dele como um Paladino, naquela ocasião, foi descartada”.

            “Devido ao fato de que a melhor classe para aumentar a liderança e a habilidade de condução é a de um cavaleiro, huh?”

            “É o ponto que é amplamente aceito, já que no tempo em que ele foi para a batalha com os Vampiros Jin-Hyeol, haviam rumores circulando de que ele era um Paladino de Freya. Porém, quando ele apareceu depois de uma pausa e começou a lutar contra o Bone Dragon (NT = Dragão de Ossos), ele usou magia de um Necromante e também mostrou habilidades de combate notáveis”.

            “Mas, desta vez, nós sabemos com certeza que ele não usou magia Necromante”.

            “E é por causa disso que eu sinto que esta controvérsia foi encenada. Deve haver uma razão pela qual ele não podia usar a magia Necromante, ou ele escolheu deliberadamente não a usar”.

            “Aquele poder… ele deliberadamente não mostrou para o público?”

            Yu Dambi arregalou os olhos dela.

            “Quão cheio de confiança Weed deve ter tido ao lutar com apenas uma baioneta sem usar qualquer magia”.

            Dambi tinha a expressão de não saber como ou por qual razão Lee Hyun não usou a magia necromante.

            Choe Daejin, que estava temporariamente distraído de seu trabalho quando ele olhou para Yu Dambi, que era muito bonita, disse apressadamente:

            “Heuheum. É uma possibilidade que não podemos descartar, mas agora estamos falando sobre quão feroz a batalha foi…”

            “Mas se é o Jeoshin Weed, então não pode ser que tenha sido discutido para que ele não usasse a magia?”

            Isso era inaceitável para Yu Dambi, que era uma fã de Weed.

            Enquanto cobria Royal Road, não havia muitas pessoas que podiam dar a ela tanto entusiasmo e aquecer o seu coração quanto Jeoshin Weed.

            Não os Guild Masters (NT = Mestres de Guildas) ou Player Ranked (NT = Jogadores Ranqueados). Se eles obtiverem tempo no ar, em seguida, eles estarão muito ocupados se expondo.

            Desnecessário dizer em relação àqueles que são governantes de castelos ou Lordes.

            Eles praticamente usavam soldados NPC para cuidarem de suas propriedades, cujos poderes eram muito além de usuários normais ao invés de membros de guildas.

            Era comum que houvesse muitos casos onde eles usavam truques, suborno, chantagem e apunhalavam pelas costas da multidão. Iniciantes e usuários fracos nem sequer eram tratados como pessoas.

            Havia bons Lordes também, mas no Continente de Versalhes, em comparação, havia muito mais Lordes que só defendiam a si mesmos.

            Devido a isso, ela lida sobretudo com aventureiros que tinham o seu respeito e inveja.

            Aqueles que continuamente estavam procurando por desafios tais como tesouros ou uma promessa atraente.

            Ela tinha conhecido o God of War (NT = Deus da Guerra) desde que Weed estava no Continent of Magic, mas ele também havia resolvido e apresentado muitas missões impossíveis em Royal Road.

            Ele era o próprio símbolo da aventura, fazendo incumbências que ou outros não poderiam e também era o símbolo da caça por si próprio.

            “Eu apenas estaria adivinhando neste momento. A capacidade física dele para lutar é um pouco superior comparada com a da última vez. Eu não posso reprimir minha admiração ao ver coisas como os reflexos, o julgamento instantâneo, a determinação e a precisão enquanto ele está lutando. A filmagem dele sendo capaz de manter o equilíbrio enquanto lutava, demonstra que pode até ser questionável que artistas marciais possam fazer tais movimentos na vida real. No entanto, alguns usuários forneceram comentários honestos e altamente verossímeis quanto a isso”.

            “Quais são?”

            “Quando ele, o monstro Jeoshin Weed, se encontra em determinada condição é que os mortos-vivos podem surgir. Porque, aparentemente, a sua aparência na época do Bone Dragon e desta vez, no Conflito de Palrangka, tinha uma diferença significante. Esta ideologia se espalhou e ganhou convicções”.

            “Eu também acho que não há muitos usuários vagando por aí na forma de um esqueleto”.

            “O senso comum não se encaixa aqui. Se alguém vier para a cidade na forma de um esqueleto, em seguida, muitos rumores sobre ele se espalharão rapidamente”.

            O Poder de Negar a Morte é uma habilidade de alta classificação da profissão dos Blood Necromancer (NT = Necromantes de Sangue).

            Ainda não haviam muitos que queriam se tornar Necromantes, a segunda especialização de um mago. Em outras palavras, a terceira especialização deveria ser o Blood Necromancer, mas ainda era uma mera suposição.

            Neste momento, Lee Hyun tentou vagarosamente levantar-se a partir de seu lugar. Infelizmente, o resto da transmissão também era associada com ele.

***

            “Desta vez, as notícias serão sobre a guerra entre o Reino de Kallamore e o Reino de Haven no Continente de Versalhes. O Cavaleiro da Destruição Koldeurim, ele fez alguma coisa com o exército implacável que ele conduz?”

            “Sim. Desta vez, na vigília da marcha do Reino de Kallamore, o impotente e abatido Reino de Haven perdeu o seu Forte Sistain enquanto encontra a sua queda”.

            “O cerco ao Forte de Sistain. Eu gostaria de ver isso. Nós temos a filmagem disto?”

            “É claro, nós temos alguns vídeos suculentos recém-obtidos. Nós mostraremos agora o poder de Koldeurim liderando o exército do Reino de Kallamore e as ações de seus cavaleiros. Vamos assistir juntos com nossos telespectadores”.

            A tela da transmissão foi mudada para o cerco de Sistain.

            Puhihihing!

            Os cavalos exalavam grosseiramente enquanto disparavam.

            “Acertem! Destruam! Não deixem uma única fundação do Reino de Haven de pé e varram tudo!”

            “Pela glória do Reino de Kallamore!”

            “Usem suas espadas pela honra e vitória de nosso Rei!”

            Imediatamente, o céu cinzento derramou um grosso véu de chuva.

            Pelas escadas e cordas, os soldados do Reino de Kallamore tomaram as muralhas do Forte Sistain.

            Siege weapons (NT = Nota barafael: armas de cerco) e aríetes (NT = Nota barafael: antiga máquina de guerra usada na Idade Média para romper muralhas ou portões, consistente de um forte tronco com testa de ferro – https://pt.wikipedia.org/wiki/Ar%C3%ADete) foram mobilizadas para derrubar o portão e, da retaguarda, ataques foram lançados das tropas de Arqueiros e Magos.

            O Forte Sistain pareceu tão patético no meio do poder de fogo colossal concentrado lá.

            Os ataques foram caindo com a intenção literal de não deixar um único tijolo restando.

            “Lutem com coragem!”

            “Morram aqui para o futuro do Reino!”

            Embora os soldados do Reino de Haven lutassem arduamente, não parecia que eles iriam vencer a guerra.

            As forças bem treinadas do Reino de Kallamore lentamente foram aumentando as suas forças e já tinham alcançado 150.000 membros. Junto com o uso de escravos feitos a partir de habitantes e soldados que se renderam do Reino de Haven, os quais foram colocados na linha de frente da batalha, à frente de suas tropas, o número deles cresceu.

            A condenação dos escravos e os saques aleatórios.

            Os cavaleiros de Kallamore estavam engajados no combate atrás da linha dos inimigos (NT = Nota barafael: dos habitantes e soldados capturados, ou seja, dos escravos de Haven), o que jogou os soldados de Haven em um estado de confusão. Era uma guerra de guerrilha, com batalhas corpo a corpo, bem como com a formação de cercos.

            Eles eram seres cruéis que não aceitariam uma única rendição quando a batalha começasse.

            Cavaleiros da Destruição.

            Os seres que nasceram para a guerra.

            Estas foram as avaliações do comandante chefe Koldeurim, através de suas batalhas vencidas.

            “Ah! Completamente incrível”.

            Choi Sang Jun disse enquanto parecia admirar a batalha.

            O Forte Sistain foi neutralizado diante dos movimentos combinados do exército de Kallamore.

            “Quantos pontos de liderança são necessários para liderar plenamente tantos soldados?”

            Embora ele não soubesse o quão forte os soldados do Reino de Kallamore eram individualmente, ele avaliou as habilidades de comando de Koldeurim como sendo excelentes.

            A batalha foi tranquilamente executada.

            Koldeurim primeiro cercou o forte enquanto prevenia reforços de prestar assistência.

            Com as forças do Forte Sistain sendo cerca de 20.000, sem os reforços, era impossível para eles defenderem contra um exército que era 3~4 vezes maior.

            No máximo, eles poderiam pelo menos adiar o inevitável até que os reforços chegassem.

            Assim, Koldeurim primeiro atacou ao redor do forte, deixando a estrada para a capital do Reino de Haven bem aberta. Devido a isso, a batalha impediu completamente o exército do Reino de Haven de assegurar o seu forte.

            Embora as tropas do Reino de Haven, de modo geral, não estivessem do lado mais fraco, eles não puderam prevenir que isso acontecesse.

            Considerando a guerra, geralmente aqueles que atacam ficavam em grande desvantagem, mas para aqueles que ficavam presos atrás de portões, eles não poderiam escapar dos seus inimigos.

***

            Quando o Reino de Kallamore declarou a guerra primeiro, os usuários do Reino de Haven ficaram contentes.

            ‘Declaração de guerra? É uma boa oportunidade para aumentar a contribuição’.

            ‘Guerras entre países. Esta será grande. Eu deveria participar’.

            Os usuários participantes, que estavam sem quaisquer dúvidas de que seriam vitoriosos, foram juntos para defender o Reino de Haven.

            Contudo, antes da grande investida das tropas dos cavaleiros do Reino de Kallamore, os usuários do Reino de Haven tiveram arrepios.

            Os 9.000 cavaleiros montados a cavalo investiram com suas lanças estendidas, invocando uma nuvem de poeira com o poderoso ataque.

            Com as pegadas firmes sobre o chão a terra tremeu e o som dos gritos da batalha poderia até mesmo estourar os tímpanos!

            “O qu, o que”.

            “Vamos evitar isso. Se eu for para a frente da batalha, será uma morte incondicional para mim”.

            “Mas, os soldados…”

            “Seu idiota! Se você morrer, o que você acha que acontecerá aos soldados depois disso?”

            As forças na vanguarda consistiam de usuários em pânico que fugiram da batalha em constrangimento, fazendo com que a moral das tropas do Reino de Haven caísse ainda mais em direção ao abismo.

            Centuriões, Comandantes e até mesmo os Cavaleiros do Reino de Haven dispensaram-se para a retaguarda na esteira do ataque frontal do exército de Kallamore.

            Como eles não podiam ver aqueles que frequentemente dariam os comandos durante a luta, as linhas de soldados naturalmente entraram em colapso, uma após a outra.

            Em oposição aos usuários do Reino de Haven, aqueles que se misturaram entre os cavaleiros do Reino de Kallamore ganharam mais energia à medida que eles observavam o espetáculo. Eles se posicionaram na ofensiva, olhando para o devastado e já sucumbido exército.

            Neste momento, eles mataram seus inimigos sem nem mesmo pensar.

            No meio da completa profanação dos ataques da força principal, Koldeurim ordenou que as tropas de arqueiros disparassem flechas de fogo para dentro do campo de batalha, a partir de uma distância considerável.

            As tropas do Reino de Haven, subsequentemente, mergulharam dentro da completa desordem à medida que elas eram cercadas pela tempestade de flechas enquanto ninguém emitia um único comando.

            A crença de que eles poderiam suportar o ataque das tropas de Kallamore era uma ilusão indescritível.

            O exército do Reino de Kallamore foi definitivamente o vitorioso, enquanto o Reino de Haven estava sofrendo uma derrota pesada.

            Não foi fácil para aqueles, que tentavam resistir, escaparem das perseguições dos Cavaleiros de Kallamore, de modo que eles foram atacados até ficarem à beira da morte.

            Por fim, os Magos do Reino de Haven queimaram toda a mana deles enquanto resistiam até o fim, mas o impacto deles nesta guerra foi bastante insignificante.

            Koldeurim também ordenou que parte de seu exército rompesse decisivamente através do acampamento inimigo.

            Sob o ataque brutal dos subordinados de Koldeurim, as almas dos usuários do Reino de Haven simplesmente se dissiparam.

            Depois disso, o Reino de Haven não tinha forças para lançar um único ataque decente e foi forçado a ficar na defensiva.

            O Reino de Kallamore continuou saqueando por um longo tempo após, a fim de assegurar os materiais.

            Quanto à Koldeurim, ele foi apelidado como o “Ceifeiro do Campo de Batalha” e, agora, durante a batalha de Sistain, nem uma única pedra foi deixada em pé desde que o conflito começou.

            Choi Sang Jun falou sem tirar a sua visão do monitor:

            “Os Cavaleiros do Reino de Kallamore são realmente fortes… eu suponho que não é chamado de Reino dos Cavaleiros atoa e parece que eles também têm o apoio de muitos usuários”.

            Da mesma forma, Lee Yu Jeong e Min Sura concordaram com suas cabeças sem tirarem os olhos da TV.

            Parece que os corações deles também queriam torcer pelo Reino de Kallamore.

            O Reno de Haven tem uma extraordinária quantidade e guildas prestigiosas. A partir de seus campos de caça reivindicados e exclusivos, junto com a tributação excessiva, são raros aqueles que não recebem tratamento injusto a partir deles.

            Então, para esses caras, eles aplaudiram no interior de seus corações o ataque prazeroso de Koldeurim.

            Para os usuários normais que optaram por não participar da guerra, não havia nada a perder mesmo se eles fossem usuários do Reino de Haven.

            Na verdade, aqueles que deram o seu apoio ao exército Haven pouco contribuíram para a situação.

            Era difícil corrigir a situação mesmo se eles tentassem, visto que os vídeos do Reino de Kallamore dominando completamente o Reino de Haven já estavam circulando para todo lugar.

            Igualmente, o impacto do noticiário atual não era algo que poderia ser ignorado.

            A verdade subjacente da questão era que a maré da guerra foi finalmente inclinada a favor do Reino de Kallamore.

            Lee Hyun se sentiu satisfeito:

            ‘Foi uma boa coisa libertá-lo depois de tudo…’

            Este era o mesmo cara que foi referenciado como o “Cavaleiro da Destruição”, o qual havia sido preso pelos Vampiros.

            Lee Hyun estava orgulhoso por lembrar da enorme contribuição feita ao Reino Kallamore com a libertação dele, bem como da intimidade que ele conseguiu com Koldeurim.

            O Forte Sistain não podia deter os avanços do exército do Reino de Kallamore e, eventualmente, foi derrubado.

            O espaço confinado tornou difícil para eles utilizarem as suas armas de cerco, enquanto os magos tinham que se sentar completamente para se recuperarem.

            “Homens, marchem!”

            Koldeurim escolheu uma tática simples de perfurar através, sem um único momento de hesitação.

            Mesmo com a posição desvantajosa de serem aqueles que estavam perpetrando o cerco, os soldados do Reino de Kallamore atacaram em uníssono.

            “Por favor deixe ser eu!”

            “Temos que entrar”.

            A moral dos membros do Reino de Haven caiu ainda mais.

            Em razão do interesse próprio, os soldados do Reino de Kallamore criaram confusão e desordem enquanto tentavam entrar.

            Em seus saltos para entrar, os soldados do Reino de Kallamore reforçaram a vitória deles enquanto chegavam mais perto da confusão e, em seguida, uma onda maciça deles entrou no forte!

            Eles estavam muito cansados a partir do combate, mas não foi tão difícil solidificar o sucesso em uma batalha já ganha.

            Aplausos fervorosos surgiam com a descida da bandeira do Reino de Haven e a subida da do Reino de Kallamore.

***

            “Nós devemos decidir sobre qual masmorra explorar e que tipo de aventura nós teremos”.

            Depois de terminar de assistir a transmissão, Lee Yu Jeong falou em um tom claro.

            Como uma estudante objetivando uma bolsa de estudos, ela queria completar com sucesso o desafio enquanto se opunha a tomar uma tarefa alternativa.

            “Então vamos adquirir informações sobre as classes e níveis neste momento, ok? Eu começo. Eu sou uma Blademaster e sou do Reino de Dale. Meu nível é 237”.

            Min Sura se introduziu seguindo a condução:

            “Eu sou do mesmo lugar que Yu Jeong, uma Encantadora e meu nível está no 144… é mais alto que da última vez”.

            O nível modesto de Min Sura timidamente saiu de sua língua.

            Ela estava no 140 no seminário dos calouros quando eles se apresentaram pela primeira vez, de modo que a subida do nível estava apenas abaixo da média.

            “Espadachim de nível 297. Eu pertenço a Guilda Black Lion. Minha posição atual é no território de nossa guilda, o Castelo Nehalles”.

            Choi Sang Jun confiantemente se apresentou.

            O seu nível e guilda eram a fonte de sua confiança.

            Park Sunjo (NT = Nota barafael: outrora traduzido pelos americanos por Bak Soonjo – irei arrumar isso em breve-, esse cara foi o único que ficou conversando com Lee na palestra de abertura dos calouros sem ficar se achando, e junto com Lee era o que tinha o maior nível – vide capítulo 8 do volume 9) falou desajeitadamente:

            “Eu sou um Ladrão e estou no nível 355. Minha localização atual é… A Tumba do Rei Suna”.

            Tumba do Rei Suna!

            Abundante em armadilhas e assombrada por múmias antigas. Era um lugar onde nem mesmo os usuários de nível elevado poderiam entrar sem cuidado. Devido ao tamanho da tumba, além da entrada imponente, o lugar não tinha sido escavado. Isso inclui o local de repouso do Rei e da Rainha.

            “Aquela tumba, huh…?”

            “Seu nível está bem maior que da última vez também”.

            “Você está explorando sozinho?”

            “Eu estou me concentrando em aumentar a habilidade de desarmar armadilhas e nutrindo as habilidades de ataques surpresas da profissão. Eu mal estou consigo lidar com isso”.

            Com Park Sunjo atraindo a atenção, Lee Hyun se apresentou furtivamente:

            “Eu sou um escultor. Meu nível é… eu estou no caminho para o Reino de Thor”.

            Ele não queria mentir, mas como um Dark Gamer, ele não poderia sair por aí divulgando o seu nível, características e habilidades.

            “Oh, entendo”.

            Lee Yu Jeong não se preocupou com a sua localização.

            Originalmente sabendo que ele era um escultor, não era necessário ir atrás de outras informações separadas, mas isso atingiu a encantadora de nível baixo, Min Sura.

            “Lee Hyun Oppa?”

            “Hmm?”

            “Eu sei que você quer manter para si mesmo a maioria das tarefas, mas dessa vez por favor faça exatamente como for pedido. Embora nós ainda precisemos aceitar mais duas pessoas para um total de sete neste desafio, se você não participar então será difícil de obter as notas apropriadas”.

            “Sim.”

            Lee Hyun concordou.

            As atribuições normais não eram problemáticas para ele completar, visto que ele estava simplesmente mirando a nota mínima para a graduação.

            Para uma quantidade considerável de estudantes universitários, não havia muitas horas do dia para eles jogarem ou comerem em razão da faculdade.

            ‘Mas é uma história diferente para mim quando se trata de Royal Road’.

            Royal Road era trabalho dele.

            Ele tinha que fazer o seu melhor a fim de ganhar a vida e também trabalhar duro com a exploração de masmorra dentro do game.

            Apesar dele ceder, Lee Hyun ainda continuava a ser uma fonte de preocupação.

            Min Sura franziu a sua testa:

            “Mas para tarefas como, por exemplo, explorar uma masmorra… nossas classes não são realmente para isso”.

            Uma Encantadora e um Escultor.

            Entre o grupo de um Blademaster (NT = Nota barafael: a versão americana fala em dois espadachins, mas no capítulo passado eles introduziram Lee Yu Jeong como uma blademaster, então mantive desta forma), um Espadachim e um Ladrão, a diferença de nível era muito alta.

            Enquanto a combinação não parecia apropriada, eles também tinham que, de alguma forma, ajustar as diferenças de experiência.

            “Nós temos que, de algum jeito, conseguir dois Clérigos para os outros lugares, ou pelo menos conseguir um Xamã”.

            “Hmmm. Caso contrário, a prova será bem difícil”.

            “A outra condição é que nós precisamos explorar alguma outra masmorra não descoberta ao invés de uma já conhecida, de outro modo não seremos capazes de pegar os créditos por essa tarefa”.

            “A dificuldade da masmorra precisa ser bem alta, por isso nós precisamos vir com alguma combinação de habilidades ou a cooperação para aumentar o nosso poder como um grupo”.

            “Mas quantos Xamãs ou Clérigos há que ainda não têm grupos? E depois desta atribuição há o festival também…”

            “Qual é a classe planejando fazer o festival em todo caso?”

            “Eu não sei os detalhes, mas o nível de preparação tem de ser muito alto para ser adequado a uma universidade como essa”.

            O tamanho e a variedade de atividades de recreação do festival da Universidade da Coréia atraíam grande popularidade.

            Um monte de alunos de outras universidades, bem como muitos do público geral e até mesmo cantores e artistas vinham para realizar eventos pequenos.

            O destaque do festival seriam os eventos coletivos e temáticos dos alunos.

            Lee Hyun pensou:

            ‘Os aborrecimentos dessa universidade maldita parecem nunca acabar!’

            Era algo desagradável em relação às atribuições do curso. Havia o M.T. (NT = Nota barafael: Membership Training), este projeto do grupo atual, que eles têm de resolver em conjunto e, imediatamente em seguida a este, tinha o festival escolar.

            ‘Isto não é diferente do que uma missão em cadeia em Royal Road’.

            Lee Hyun estava extremamente deprimido.

            A considerada época de ouro de um festival ou de um projeto de faculdade!

            A Universidade de Coreia é para ser invejada por outros estudantes de outras faculdades precisamente por causa dos festivais, bailes e concertos onde mulheres muito bonitas compareciam.

            Um lugar preenchido com a vitalidade intransponível da juventude.

            Porém, para Lee Hyun, isto era apenas um incômodo.

            ‘Eu espero que isto acabe rápido’.

            O festival iria tomar mais do que cinco dias e tais coisas como a preparação para o evento entre agora e depois o deixaria realmente ocupado por um longo tempo. O aparentemente encurralado Lee Hyun procurou freneticamente por uma saída, mas a perspectiva em escapar parecia sombria.

_________________________________________________

Tradutor: Antonio Pinheiro

Revisão/Adaptação: Gabriel Uchôa e barafael

Formatação: Antonio Pinheiro

Edição: barafael

Fonte da tradução: http://lmstranslation.blogspot.co.il/p/1309.html

_________________________________________________

Capítulo Anterior  |  Próximo Capítulo

29 comentários sobre “LMS – Volume 13, Capítulo 9: O Anão chamado ‘Art Hand’

    • Seria mta coincidência a Dain frequentar a mesma faculdade e curso, já basta a Seoyoon.
      E o Weed nem deve lembrar mais da Dain, tá aquela incognita na cabeça dele se ela ta viva ou morta.

      Curtir

      • A Xamã não precisa ser alguém da faculdade, apenas o grupo deles é da facul, os membros extras que eles vão chamar podem ser de dentro do jogo (acho).

        Curtir

  1. Já mitei como Humano, Orc(primeiro), Morto-Vivo(primeiro) e agora acho q vou mitar de anão, pra seguir no fluxo kkk
    Vlw pelo cap. Mto foda

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s